Atividades físicas podem ajudar durante a gravidez

Um estudo da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (Portugal) demonstrou que as atividades físicas são capazes de evitar o aumento excessivo de peso, além de  diminuir o risco de depressão na gravidez.

Um dos exemplos são os benefícios da prática de exercício físico durante a gestação.  De acordo com o trabalho, o ganho é físico e psicológico.

Segundo o estudo, as queixas mais frequentes durante a gravidez são a fadiga e as varizes e isso diminui bastante com os exercícios. Além disso, contribui para menos
insônia, estresse, ansiedade e depressão.

“Existe alguma evidência de que exercícios em que haja suporte do peso corporal, como caminhada e corrida, reduzem a duração do trabalho de parto e o risco de complicações durante o mesmo”, diz o estudo.

De acordo com a pesquisa, o exercício melhora também o controle glicêmico em grávidas com diabetes gestacional. “Evidências sugerem um efeito protetor do exercício na doença coronária, osteosporose, hipertensão, redução do risco de câncer do cólon e provavelmente do câncer da mama e redução da percentagem de gordura corporal”, narra a autora do estudo.

A médica ainda alerta sobre os efeitos negativos do sedentarismo na gravidez como a perda de massa muscular, o aumento de peso, o risco de desenvolver diabetes gestacional e pré-eclâmpsia, o desenvolvimento de varizes, entre outros.

Com informações de nutrição em pauta –2.7.15

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *