Boletim Econômico ABIAD de maio traz números do setor e análise sobre fornecimento de embalagens

O Boletim Econômico da ABIAD de maio traz os números da produção industrial brasileira no primeiro trimestre do ano. Como era observado, de maneira geral, a produção industrial recuou de fevereiro para março, porém com forte avanço nos segmentos de vitaminas e bebidas dietéticas ou de baixa caloria. A queda pode ser reflexo do desemprego e da interrupção do pagamento do auxílio emergencial, o que pode ser parcialmente revertido após a retomada desse pagamento na segunda quinzena de abril.

Os empregos gerados pela fabricação de alimentos para fins especiais e pelo comércio atacadista especializado no setor se mantiverem estáveis.

Esses números e suas análises fazem parte do Boletim Econômico ABIAD de maio, que traz uma análise sobre o impacto da pandemia sobre a oferta, demanda e preços de embalagens em 2020-2021. Essa situação impactou diversos segmentos de mercado, como alimentos, medicamentos e cosméticos e, dificilmente, alguma empresa tenha passado sem sentir pressões de preço, prazo de entrega ou mesmo falta de estoque de todos os tipos de embalagens de papel, papelão ou plástico.

Veja o Boletim Econômico ABIAD de maio  completo, elaborado pela consultoria Websetorial, acessando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *