O acesso a alimentos especiais será debatido em audiência pública

Convocada pela Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência, será na próxima quarta-feira, 4 de novembro, a partir das 14h30, no Plenário 7, Anexo 2, da Câmara dos Deputados, em Brasília, a Audiência Pública que vai debater o tema “Alimentos para Fins Especiais: condições e medidas para seu acesso”.

O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos para Fins Especiais e Congêneres (ABIAD), Carlos Eduardo Gouvêa, será um dos debatedores junto à Beatriz Jurkiewicz Frangipani, nutricionista do Centro de Referência em Erros Inatos do Metabolismo da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP e representantes da Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde e da Gerência Geral de Alimentos (GGALI) da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Alimentos para fins especiais são aqueles especialmente formulados ou processados, nos quais se introduzem modificações no conteúdo de nutrientes, adequados à utilização em dietas, diferenciadas e ou opcionais, atendendo às necessidades de pessoas em condições metabólicas e fisiológicas específicas. Esse grupo envolve os alimentos para dietas com restrição de nutrientes e para grupos populacionais específicos.

É o caso, por exemplo, dos homocistinúricos, pessoas que não podem ingerir alimentos proteicos como carne, peixe, leite e ovos que podem provocar consequências graves como trombose, deslocamento do cristalino dos olhos e desenvolvimento de deficiências.

Além de controlar a alimentação, em alguns casos, os homocistinúricos também precisam de uma complementação alimentar. É aí que entram os alimentos para fins especiais, cujos preços são, em geral, bastante altos, sempre mais do que hum mil reais a lata, o que os torna inacessíveis.

O objetivo deste encontro é exatamente debater as sugestões dos especialistas para melhorar o acesso a esses alimentos.

Por Oficina de Mídia – 30.10.15

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *