Ômega 3: para que serve?

Ao começar uma dieta, as primeiras substâncias que deixamos de consumir são as gorduras, porém, o que poucos sabem é que nem todas elas são nocivas para o corpo – pelo contrário, algumas são essenciais e podem até auxiliar na perda de peso. É o caso dos ácidos graxos do tipo ômega 3, que são considerados gorduras insaturadas.

Existem três tipos de ômega 3: o ácido alfalinolênico (ALA), o ácido docosa-hexaenoico (DHA) e o ácido eicosapentaenoico (EPA). A maioria dos benefícios associados a esses ácidos graxos é proveniente do DHA e do EPA, encontrados principalmente no leite, nos óleos de peixe e no salmão.

Veja, abaixo, algumas das propriedades do ômega 3 e descubra por que ele não pode ficar de fora da sua dieta!

Facilita a perda de peso

O ácido graxo ômega 3 diminui os processos inflamatórios no corpo, que podem causar alterações nos mecanismos da fome, inibindo os hormônios que promovem a saciedade e estimulando os hormônios que abrem o apetite. Além disso, a inflamação crônica também aumenta a retenção de líquidos e a resistência à insulina, o que torna o corpo mais inchado. Dessa forma, evitar e controlar as inflamações pode auxiliar, e muito, a perda de peso.

Acelera o metabolismo

As gorduras insaturadas, que é o caso do ômega 3, apesar de serem altamente calóricas, também têm o potencial de acelerar o metabolismo, fazendo com que o corpo queime mais calorias e mais gorduras. Para alguns estudiosos, esse fator está ligado ao aumento de gordura marrom, proporcionado pela ingestão do ômega 3, que é uma espécie de tecido adiposo que promove uma maior queima de calorias.

Melhora o desempenho nos exercícios

Aqueles que praticam atividades físicas com frequência possuem um motivo a mais para ingerir ômega 3: o nutriente faz com que o corpo consiga absorver mais oxigênio, permitindo um maior desempenho nos exercícios aeróbicos. Os atletas que ingerem em torno de 4 gramas de ômega 3 diariamente começam a aumentar suas performances em menos de um mês de uso regular do nutriente.

Previne o câncer

Os ácidos graxos também auxiliam a prevenir alguns tipos de câncer, como o de próstata, mama e intestino. Algumas pesquisas apontam que o nutriente também pode impedir a metástase do câncer de um tecido para o outro, o que pode acontecer no câncer de mama, por exemplo.

Fonte: Portal Segs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *