Perfil nutricional dos adolescentes no café da manhã

As bebidas são importantes marcadores do perfil nutricional de adolescentes no desjejum, segundo a informação de um estudo da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

O estudo transversal utilizou 1.133 adolescentes, entre 10 e 14 anos, estudantes de escolas públicas de Niterói, no Rio de Janeiro. Um pouco mais da metade (52%) era do sexo feminino e 30% estavam acima do peso.

O não consumo de café da manhã foi relatado por 16% dos adolescentes que estudam pela manhã. No período da tarde o percentual é ainda maior (18%) e os alunos com sobrepeso (20%) disseram não fazer o desjejum.

A avaliação do perfil alimentar dos adolescentes mostrou que os alimentos mais consumidos no café da manhã são: pão (64%), doces (58%), manteiga ou margarina (50%), leite e bebidas à base de leite (49%), leite com chocolate (37%), café e chá (34%), enquanto que as frutas tiveram um baixo consumo (4%).

Entre as bebidas do desjejum, o leite ou compostos à base de leite corresponderam a 46%, seguido do café ou chá com 31%.

“Este estudo demonstrou que a qualidade do desjejum está associada com o tipo de bebida incluída na refeição. O consumo de bebidas adoçadas com açúcar estava ligado ao consumo de alimentos com alto teor de gordura e açúcar, considerado típico de uma dieta de baixa qualidade. O consumo de leite e bebidas à base de leite foi relacionado com um aumento da ingestão de cálcio e a vitamina A ao longo do dia. Esses achados podem apoiar as iniciativas para promover a alimentação saudável e desencorajar o consumo de bebidas adoçadas com açúcar, que são conhecidas por desempenhar um papel crucial na epidemia mundial de sobrepeso e obesidade”, concluiu o estudo.

Com informações do portal Nutritotal – 21.7.16.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *