Suplemento proibido pela Anvisa

O resultado insatisfatório para o ensaio de carboidratos (foi constatada quantidade 20% superior àquela declarada no rótulo) e a presença de resquícios mandioca na fórmula do produto (que também não estava informada na embalagem) levaram a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a proibir, na segunda-feira, 14 de abril, a distribuição e comercialização do lote 29 do suplemento proteico para atletas sabor morango e banana, marca Whey Protein Optimazer – Cyberform.

O produto foi fabricado pela empresa JSE Alimentos e o lote tinha validade até 12.8.2015. O laudo que constatou a divergência entre as informações constantes no rótulo e o real conteúdo do suplemento foi emitido pelo Instituto Adolfo Lutz.

Com informações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e Agência Brasil – 14.4.14

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *